Dois amantes

24 abr 2017neruda 360

Dois amantes felizes não têm fim nem morte,
nascem e morrem tanta vez enquanto vivem,
são eternos como é a natureza.

Sobre o autor

Pablo Neruda é o pseudônimo de Ricardo Eliécer Neftalí Reyes Basoalto foi um poeta chileno, bem como um dos mais importantes poetas da língua castelhana do século XX.